Na volta para casa, Tricolor goleia a Ponte Preta em tarde de Gilberto e festa da torcida

No Morumbi, atacante balançou as redes três vezes e comandou a virada sobre os campineiros

Com mais de 50 mil torcedores nas arquibancadas, reforçados pelos recém-contratados Jucilei e Lucas Pratto, o Tricolor goleou na volta para casa – que marcou o retorno de Rogério Ceni ao Morumbi, agora sob o comando do time. Na tarde deste domingo (12), com Gilberto com a pontaria calibrada, Cueva inspirado e belos gols, o São Paulo goleou a Ponte Preta de virada por 5 a 2 em duelo válido pela segunda rodada do Campeonato Paulista de 2017 e confirmou a sua reação na temporada após a estreia com derrota no estadual.

Gilberto, três vezes, Cueva e Thiago Mendes balançaram as redes para garantir o primeiro triunfo são-paulino na competição regional – Matheus Jesus e Lucca anotaram os gols dos visitantes, que largaram na frente, mas não conseguiram segurar o ímpeto dos anfitriões contagiados por mais uma marcante festa da torcida.

Com o resultado, que deu confiança extra ao time neste início de ano, o Tricolor assumiu a liderança do Grupo B no Paulista, com três pontos. Na próxima rodada, na Vila Belmiro, o clube terá o seu primeiro clássico no estadual: enfrentará o Santos na quarta-feira (15), às 21h45 (de Brasília). Sem dúvida, a energia da torcida neste final de semana e o futebol apresentado pela equipe mostraram que o começo de trabalho do novo treinador deixa o time cada vez mais forte!

Para encarar os campineiros, o Tricolor teve alguns desfalques: o goleiro Renan Ribeiro (aprimora forma física após contratura na coxa esquerda), o meia Lucas Fernandes (aprimora forma física após cirurgias no ombro e no joelho), o volante Wesley (trauma no joelho direito), o atacante Wellington Nem (estiramento no adutor da coxa esquerda), o zagueiro Lyanco (Seleção Brasileira Sub-20) e o centroavante Chavez (desconforto muscular) não estavam à disposição para o confronto deste final de semana.

Dessa forma, o Tricolor escalou o time são-paulino com Sidão; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Junior Tavares; João Schmidt, Thiago Mendes e Cícero; Cueva, Gilberto e Luiz Araújo. Já os campineiros atuaram com Aranha; Nino Paraíba, Kadu, Fábio Ferreira e Jeferson; Naldo, Jádson e Matheus Jesus; Pottker, Clayson e Lucca. Quando a bola rolou, o São Paulo começou trocando passes no campo de defesa e pouco a pouco avançou contra os visitantes, que adiantaram a marcação para dificultar a saída de bola.

Nas arquibancadas, a torcida cantava alto e empurrava os jogadores são-paulinos. Aos 14 minutos, Cueva escapou da marcação de Fábio Ferreira e tentou finalizar dentro da área, mas Aranha saiu bem do gol para fazer a defesa. Nas descidas rápidas de contragolpe, os pontepretanos tentavam reagir, e foi assim que o adversário conseguiu tirar o zero do placar aos 21: Matheus Jesus finalizou de fora da área e inaugurou o marcador. 1 a 0.

Sem desanimar, o Tricolor tratou de acuar o rival e assim buscar a virada antes mesmo do intervalo. Aos 30 minutos, após cobrança curta, Júnior Tavares cruzou para Gilberto, que cabeceou com perigo por cima do gol. O lance do centroavante animou a equipe, que dois minutos depois arrancou o empate com Cueva: Gilberto recebeu do peruano, escapou pela esquerda e bateu cruzado. Aranha espalmou, e no rebote o camisa 10 mandou para o fundo das redes! 1 a 1.

O gol empolgou os torcedores, que trataram de contagiar a equipe em campo e assim fortalecer o São Paulo em busca da reviravolta no placar. Aos 35, por pouco, Rodrigo Caio não deixou a sua marca: o camisa 3 chutou na saída do goleiro, mas Nino Paraíba tirou a bola em cima da linha. Com uma verdadeira blitz e sem deixar a Ponte Preta respirar, o Tricolor assumiu a vantagem no marcador. Aos 43 minutos, Cueva, com uma grande assistência, achou Gilberto na área. O camisa 17 bateu cruzado, de esquerda, e estufou as redes! 2 a 1 e muita festa no Morumbi!

Na volta para a segunda etapa, com a mesma intensidade, os mandantes acuaram os visitantes e logo criaram oportunidades para ampliar. Aos quatro, em rápido contra-ataque, Thiago Mendes lançou para Luiz Araújo, que invadiu e finalizou rasteiro: Aranha, com o pé, impediu o terceiro gol são-paulino. Superior, o São Paulo logo balançou as redes novamente aos 11: Bruno encarou a marcação de dois jogadores na ponta direita, driblou os adversários e cruzou. A zaga afastou, mas a bola sobrou para Thiago Mendes, que bateu colocado da entrada da área e anotou um verdadeiro golaço! 3 a 1!

Se o terceiro gol foi uma pintura, o quarto não ficou muito atrás após a linda jogada individual do jovem Luiz Araújo aos 12 minutos. O atacante arrancou em velocidade, se livrou do defensor com dribles desconcertantes e rolou para Gilberto, que dominou e estufou a rede! 4 a 1! Goleada e festa da torcida no Morumbi! Mesmo com tranquilidade no placar, o Tricolor não tirava o pé e tentava arrancar mais gritos de gol dos torcedores.

Aos 24 minutos, inspirado, Gilberto apareceu novamente para anotar o seu terceiro no duelo – o quinto do São Paulo! Em cobrança fechada de escanteio, Maicon resvalou e o centroavante apareceu sozinho, com oportunismo, para aumentar a goleada! 5 a 1! Uma atmosfera mágica na volta de Rogério Ceni ao Morumbi! Nem mesmo o tento dos campineiros já nos instantes finais, anotado por Lucca, diminuiu a grande vitória do Tricolor no retorno para casa: 5 a 2 e a certeza de que o time reagiu e está cada vez mais forte sob o comando do novo treinador

TigreCast

Twitter @SPFCDigital

Hoje!! Com a presença do penta campeoão @Edmil5onOficial !! #pubpoker #camarote #vip… https://t.co/KHdcTnd9Ah
#UnidosPeloSPFC bora para o Morumbi! https://t.co/nbD6l2fpIL
RT @fabiorabin: Pra quem ainda não viu se liga :) Fábio Rabin - Fora Temer e Aécio preso? https://t.co/HcV0j0YdYd via @YouTube

logo rádio sp digital

Transmitindo 24 horas por dia pela internet, a rádio São Paulo Digital representa o canal de comunicação feito somente para o torcedor São Paulino. Somos a rádio da nação Tricolor!