Notícias

A. Martins admite rendimento abaixo do São Paulo e pede desculpas à torcida

0

O São Paulo mais uma vez decepcionou seu torcedor. Neste domingo, a equipe comandada por Vagner Mancini teve Gonzalo Carneiro expulso ainda no primeiro tempo, se segurou diante do Red Bull Brasil e amargou um empate sem gols no Morumbi, pela oitava rodada do Campeonato Paulista, alcançado o quinto jogo consecutivo sem vitória e deixando o gramado sob vaias.

Antes da partida, porém, os tricolores já haviam demonstrado toda a insatisfação com o momento do clube. As torcidas organizadas do São Paulo recepcionaram a delegação fazendo críticas aos principais jogadores do elenco, como Nenê, Diego Souza e Reinaldo, e pedindo a saída do presidente Leco e do diretor de futebol Raí.

Após o duelo, o zagueiro Anderson Martins, que voltou a ser titular, pediu desculpas ao torcedor e disse que o Tricolor Paulista precisa melhorar o rendimento o quanto antes. “A gente sabe que falta muito ainda, pedimos desculpa ao torcedor e agora é seguir trabalhando. Daqui a pouco a fase vai muda”, disse ao Premiere.

“O torcedor está na razão dele (de protestar). O São Paulo não pode ficar dessa forma, a gente sabe que está numa fase difícil, mas temos jogadores comprometidos que querem mudar essa situação, e só vai mudar com trabalho. Vamos procurar no próximo jogo, o mais rápido possível, voltar a vencer para dar uma confiança maior e a gente conseguir dar uma resposta, que o torcedor tanto quer”, completou.

Com o resultado, o São Paulo chegou ao terceiro jogo sem vitória no Paulista, mas manteve a terceira colocação do Grupo D, com 10 pontos, um a menos que o vice-líder Ituano. Agora, os comandados de Vagner Mancini terão uma semana de trabalho a fim de se reencontrar com os triunfos, já que só voltam aos gramados apenas no próximo domingo, às 17 horas (de Brasília), no Nabi Abi Chedid, diante do Bragantino.

Fonte: Gazeta Esportiva

Com um a menos desde o 1º tempo, São Paulo fica no 0 a 0 com o Red Bull

Último artigo

Mancini vê esquema com 3 zagueiros como início da reconstrução do São Paulo

Próximo Artigo

Comentários

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja mais Notícias